Mídia fast food

Vi essa notícia no Blue Bus de 14/03 e resolvi resumí-la:
A mídia vai se tornar fast food, as pessoas vão consumir em movimento, assistindo notícias, esportes e clipes enquanto viajam ou enquanto estão no trabalho, usando celulares ou aparelhos portáteis. Os jornais têm que se tornar sites de notícias. Devem passar de news-papers para news-sites.

Os jovens já usam a tecnologia para se entreter e para se educar. Essa revolução do conhecimento dá poder ao leitor, ao estudante, ao paciente de alguma doença, à vítima de injustiça, a qualquer um que tenha necessidade de informação.

Os jornais devem dar a opção a seus leitores de acessarem seu conteúdo no papel, no site ou em qualquer plataforma que os atraia – como celulares, computadores de mão, iPods ou o que quer que seja.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>